“A pandemônia” de Leonardo Froés — paisagem sonoro-visual

No dia 25 de maio de 2020, Leonardo Froés publica no site da revista Quatro Cinco Um o poema “A pandemônia”. Inspirado pelo modo vertiginoso com que passeia pela cidade deserta e por seus espaços de morte e vida, ecoando as dinâmicas sociais que ali se jogam e sobre as quais reflete, traduzi-o em paisagem sonora, com o intuito de fazê-lo ecoar, inventando para ele ainda um ostinato no violão. O músico e arranjador João Marcondes aceitou o desafio e, a partir do poema declamantado ali, e das vozes que sobrepus, refez o violão, ao qual somou guitarra, baixo, sopros percussões e efeitos. Tudo mixado por ele a partir de nossas conversas e impressões. O todo foi então compartilhado com o poeta, designer gráfico e produtor de mídia André Vallias, que, a partir de imagens extraídas do noticiário da pandemia e algumas outras, tornou a paisagem visível, criando ainda um diagrama em que a voz é representada por ondulações e o fundo musical por uma linha pontilhada que vai gradativamente aumentando de altura.

Álvaro Faleiros

* * *